Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Um Comentário

Talento individual ganha o jogo para o São Paulo

Talento individual ganha o jogo para o São Paulo

A diferença entre São Paulo e Coritiba era nítida e era grande.
O São Paulo tem um elenco mais qualificado, mais experimentado, mais valioso.
O São Paulo tem tudo isso, entretanto, o conceito de time parece estar longe de ser uma característica do Tricolor.

O Coritiba tem mais cara de time.
Defesa acertada com boa cobertura.
Posicionamento dos volantes e transição.
O meio defensivo se torna o ofensivo.
O time compra a ideia de solidariedade e marca, desarma e passa a armar com qualidade.

A definição sobre quem vai fazer a final da Copa do Brasil parecia estar mais para o Coxa, que não sentiu pressão por jogar fora de casa e deu 15 chutes a gol, e permitiu que o São Paulo desse apenas 10.

A organização e o entrosamento podem ser apontados como fatores decisivos para o caminhar da partida e o Coxa mostrava que tinha muito poder de se organizar em campo.

O primeiro tempo teve dois grandes nomes: Lucas e Roberto.
O atacante da seleção era a chave pela direita e criou várias chances.
Roberto ocupava a faixa da esquerda do Coxa.
Ele marcava como um volante e conduzia o time ao ataque como um meia inteligente.

O segundo tempo foi marcado pelo domínio do Coxa e pela expulsão do zagueiro Paulo Miranda, aos 14 minutos.

O São Paulo teve Maicon no lugar de Casemiro e Cícero participava pouco do jogo.
O Coritiba poderia ter feito seu gol com Everton Ribeiro, mas a bola explodiu na trave.
Luis Fabiano também teve sua chance. O atacante cabeceou a chamada bola perfeita, mas ela foi parar no travessão.

Quando o jogo parecia mesmo caminhar para um 0 a 0, Lucas – com talento individual – carregou a bola da esquerda para o meio e bateu cruzado para o gol.
Gol! Aos 43 do segundo tempo, perto do fim.
O talento ganhou e Lucas teve sua vitória pessoal.

A vaga parece estar longe de estar decidida.
O Coritiba mostrou sua força e organização e o São Paulo tem o talento de Lucas.

[related_posts_by_tax posts_per_page="4"]

Fatal error: Call to undefined function adrotate_ad() in /home/blogdom1/public_html/wp-content/themes/marra/single.php on line 208