Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

30 Comentários

O caso Jóbson: problema ou solução?

O caso Jóbson: problema ou solução?

É possível tratar uma hemorragia interna com esparadrapo?
Não é preciso ser médico para concluir que a terapia ideal é outra.
O esparadrapo apenas esconde a ferida externa e em nada trata a causa ou a doença.

Tratar sintomas e aliviar a dor são opções de tratamento que podem trazer alívio momentâneo, mas não resolvem o problema do paciente.
Por instantes aliviar a dor dá satisfação. Se a causa da dor não for tratada, a dor volta e pode ser ainda mais forte.

O Atlético não precisa esclarecer os motivos que levaram Jóbson a não treinar.
A direção age com seus atletas da forma que julga ser a melhor para o momento e para a imagem do clube.
Entretanto, Jóbson não deve se escudar na conduta da direção.
Ter a palavra oficial do clube do seu lado pode mascarar a verdadeira doença, o que em nada ajuda no tratamento correto.

Jóbson é um atleta e já é motivo de vergonha para qualquer atleta estar acima do peso e se ver envolvido em fofocas sobre seu comportamento fora de campo.
A condição de atleta de Jóbson está doente, comprometida.
A hemorragia de Jóbson deve ser encarada por ele como uma doença.
Se esconder por trás de um sorriso tímido e de respostas ensaiadas, podem trazer alívio momentâneo.
Ver a imprensa sair sem respostas pode dar a Jóbson a satisfação de um anti-inflamatório.
No entanto, a origem do problema não é tratado com o fechamento dos portões da Cidade do Galo e mais um dia de silêncio.

Jóbson é mais visto como problema que como solução.
Você contrataria um jogador para resolver seus problemas de ataque, mas não traria um jogador gerador de problemas para a imagem do clube.
Jóbson pode ser útil e até pode se tornar um exemplo, mas hoje é problema.

O final da história ninguém ainda sabe, entretanto, o enredo me leva a crer que o desfecho não terá heróis e parece não estar tão longe.

[related_posts_by_tax posts_per_page="4"]

Fatal error: Call to undefined function adrotate_ad() in /home/blogdom1/public_html/wp-content/themes/marra/single.php on line 208