Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

30 Comentários

A de América, B de Brincadeira…

A de América, B de Brincadeira…

Não quero ser visto como aquele que estraga a festa dos outros.
Mas a minha festa com o acesso do América já acabou.

Vejo a situação do Coelho com muita preocupação.
É certo que só duas rodadas foram disputadas e que o Coelho já tem uma vitória, mas temo pelo futuro.

São muitas as “tentativas” de fazer o time passar vergonha no centenário.
Podemos questionar o elenco do Coelho e de muitos outros times, mas não é o elenco apenas que complica.
O que me assusta é a forma com que o elenco foi construído.

Vamos ao caso do gol.
O Flávio é confiável para as 38 rodadas? Vale lembrar que ele estava tão disponível que até jogou a B do Mineiro pelo Coelho. Se fosse tão confiável, ele não poderia ter jogado por tantos outros times na elite?
E o Neneca? Caiu para a Segundona do Paulista e só jogou a Série A em uma temporada.

As laterais preocupam muito.
Sheslon e Marcos Rocha viraram tudo isso? Carleto chegou ao São Paulo e foi apresentado como jogador diferenciado e jogou duas partidas no Brasileiro pelo Tricolor, nada mais.

Não vou ficar detalhando posição por posição, mas apostar em Daniel Lovinho é estranho.
O elenco americano é recheado de jogadores medianos que saíram de times de grife por não responderem bem.

Saio do elenco e vou para a falta de estádio.
O Bahia enche o Pituaçu, o Ceará enche o PV e o Coelho pode contar com quem em Varginha e em Campo Grande?
Apenas com o dinheiro.
A Série A não pode ser utlizada apenas para faturar uma renda maior.
O dinheiro que entra hoje pode sair rápido amanhã na hora de contratar feito louco para evitar o pior.
A hora é de fincar a bandeira na Arena do Jacaré e fazer campanha e mais campanha para a torcedor comprar a “briga” do time.

O planejamento me assusta muito.
Acompanhei a Taça São Paulo e vi Caleb e China jogando muito bola.
Os dois meninos foram falados e observados por times de São Paulo.
Alguém poderia tentar explicar por quais motivos eles não foram devidamente testados e experimentados no Mineiro?
Jogar nos ombros deles o peso do Brasileiro pode ser pesado, mas vai ser necessário. Será que a média de idade do Coelho não está meio alta? Os líderes não estão “rodados” demais? Não é preciso dar uma renovada?
Vai sobrar para os meninos e eles não foram bem utilizados ainda.

Gostaria de ser convencido do contrário, mas acho que vai ser muito difícil o ano do Coelho.
Não é fácil jogar contra times mais poderosos e com maior qualidade técnica.
Pior ainda é saber que os jogos serão lá longe e sem torcida.
Como o elenco recebe a notícia de que o jogo será no Mato Grosso?
Será que eles não percebem que o interesse técnico é deixado de lado e que o financeiro pesa mais?

Alguém vai até falar que o América já tem sido prejudicado pela arbitragem e a tendência é piorar.
Infelizmente, o time que não se mostra muito interessado e prefere “aproveitar” para arrecadar acaba sendo mal visto até pela arbitragem.
É preciso se dar respeito e não brincar na A.

[related_posts_by_tax posts_per_page="4"]
Tags

Comentários

  1. Vander Ribeiro

    Botar o dedo na ferida deve sempre ser feito com cautela. Porém, algumas verdades precisam ser ditas. Eu acredito que botar o dedo na ferida seja a tarefa mais difícil para um comentarista. Se não critica, é acusado de fazer vistas grossas e de jogar para a torcida. Se”bate” – diz algumas verdades – é acusado de ser “do contra” e de não colaborar com o time. São poucos os torcedores que entendem que mais vale uma crítica construtiva do que um afago no ego dos cartolas. A tarefa é difícil, mas é feita com muita prorpiedade por poucos.
    Parabéns !!

    Abraço,

  2. Raws.BH

    Mario bom dia, antes das semi finais do mineiro o matematico
    Baião postou um comentário na minha modesta opnião, infeliz no qual afirmava que seu time o cruzeiro era muito superior ao America T.O. fato indiscutível, só que continuando com seu ponto de vista Galo e America B.H. se equivaleríam. Com todo respeito ao America e se a realidade é dura não é culpa minha qual jogador do coelho sería titular nos dois grandes da capital? Como penso que a maioria dos leitores vão concordar comigo aonde existiria tal equilibrio? Escrevo este comentário para ilustrar infelizmente meu receio pelo futuro do Coelho.

  3. Aurélio

    Eu tenho dito essas coisas pra todos a respeito do América. O time é pesado, lento, sem criatividade e velho. Irênio nunca foi titular em time da série A e de repente com seus 35 anos é o cérebro do time? Esse volantes pesados e que não tem qualidade na saída de bola não servem pra série A. O tal Dudu teve 3 cartões amarelos em 2 jogos. Botineiro de mão cheia. Thiago Carleto me lembra o Calisto do Atlético, pesado, fraco na marcação e no apoio. Eliandro nunca serviu pro Cruzeiro e serve pro América? Se serve evidencia o pensamento pequeno. Enquanto isso a base, que fez uma excelente copa São Paulo é deixada de lado por causas das indicações do Mauro Fernandes. O Atlético não jogou bem a Copa São Paulo, mas 2 jogadores são titulares no time. O Cruzeiro emprestou o Bernardo e tá jogando muita bola no vasco. E tem gente que não consegue enxergar que a base é o caminho certo. O Barcelona que o diga. Infelizmente é torcer pro Coelho conseguir se salvar. Grande abraço!!

  4. alan

    para né? Flávio é incontestavel, aos 40 anos ainda cata muito, além de ser um exemplo de profissional. Marcos Rocha vem mostrando que tem grande futebol, Gabriel é um baita zagueiro, Otávio tem grande futuro, Carleto aparenta ter bom futebol(vamos ver como ele vai jogar), L.Ferreira é um bom volante, mostrou saber sair jogando tb, fora o chute, Dudu Pitbull o que ele não tem de futebol compensa na raça, Netinho saiu do CAP vilanizado pq foi improvisado na esquerda, qndo jogava de meia era o idolo de la, Rodriguinho mostrou ter alguma qualidade, Fabio Jr grande atacante e Alessandro tem a alma do time. Vamos é fazer bonito nesse campeonato!COELHO!

    • Aurélio Mendes

      Espero que esteja sendo irônico.

      • Allysson Oliveira - Goiânia

        Ele só pode estar sendo irônico, salta aos olhos sua verve cômica…

  5. Carlos Ameba

    Raws.BH, realmente você tem razão, América e Atlético não chegaram nas semifinais no mesmo nível. O Atlético ganhou roubado do Cruzeiro, do Funorte e da Caldense, o América terminou a primeira fase com os pontos que mereceu fazer.

    Hoje o Atlético está melhor, mas a diferença do Cruzeiro para o Atlético é consideravelmente maior do que a diferença do Atlético para o América.

    Mário, não sei aonde você viu que “o América está cheio de jogadores que não deram certo em outros clubes de grife”. Daniel Lovinho não passa nem perto de ser titular, sequer fica no banco. Sheslon é um quebra galho na falta de outro, e Marcos Rocha não foi eleito no melhor lateral da Série B atoa. Carleto nunca teve sequência no São Paulo.

    O elenco do América está sendo construído há 3 anos, é um grupo unido, com vontade de mostrar serviço, e que pode jogar de igual para igual com a maioria dos clubes da Série A.

    Quanto a jogar fora, infelizmente, é a realidade, devido ao absurdo que é a divisão de receitas de TV do Brasileirão, em que time que está na segundona recebe mais dinheiro da Série A do que time que está na primeira. Um crime contra o futebol brasileiro. Isto sim é que parece brincadeira.

    • Raws.BH

      Carlos, parafraseando Voltaire : Defenderei até a morte teu direito de expressar opinião mesmo que eu não concorde com
      uma só palavra. No mais, tudo que debatemos são conjeturas
      certeza mesmo só o futuro nos dirá. Abraço.

  6. claudinei souza

    Olá, Marra! Tudo bem? Parabéns novamente por suas colocações.
    Concordo com você que o Brasileirão está apenas começando, mas já são visíveis as dificuldades que alguns clubes enfrentarão durante o ano e isso não será privilégio apenas dos pequenos.
    Não basta a eles possuírem algumas revelações como o Avaí – que já cedeu o seu goleiro Renan para o Corinthians após uma ótima Copa do Brasil – para se manterem com alguma pretensão dentro da competição. Claro, na melhor hipótese, conseguir fugir do estigma de Candidato Natural ao Descenso 2011.
    No caso do América, não possuo a informação de que existam muitos torcedores simpatizantes do Coelho no estado do Mato Grosso. Será que os prováveis adeptos do lendário Deca-campeão Mineiro estarão lá para prestigiá-lo em campo? Será que farão o mesmo quando a equipe possuir o mando de campo e for atuar na cidade de Varginha?
    Lembro-me do Galo em 2006. A equipe jogou contra o São Raimundo, no estado do Amazonas, e o Atlético tomou o maior sufoco devido às dimensões do gramado e da presença marcante da pequena torcida que se apertava lado a lado no alambrado. Lembro-me também que, por muito tempo, o estádio Independência foi chamado de Caldeirão e de Puleiro do Galo naquele ano.
    O elenco era tecnicamente limitado, mas a torcida fazia a diferença. Por isso o Atlético conseguiu o seu acesso e o título daquele torneio. O Galo era um time grande com elenco fraco, atuando contra equipes pequenas, mas que possuíam o desejo enorme de serem grandes.
    Vejo o América em uma situação parecida. Por que não jogar como um “São Raimundo da vida” e atuar em campos menores, mas próximos de seus torcedores?
    Te pergunto: será que existe a possibilidade da equipe atuar em alguns jogos no Alçapão do Bonfim, em Nova Lima? Pelo menos Nova Lima está mais próximo do que Campo Grande. Aliás, quanto a Arena do Jacaré, esta se tornou um estádio exclusivo de Atlético e Cruzeiro durante o período de reformas do Mineirão. Nem o Democrata, dono da casa, atuou lá este ano.
    Como disse, ao América resta a sua torcida. São os seus torcedores que adquirem ingressos, compram camisas, souveniers ou qualquer coisa que lembre o clube. Pergunto-me como os dirigentes da equipe alviverde pensam em arrecadar fundos para manter a equipe na Série A afastando o elenco de Minas Gerais e da capital onde o clube iniciou a sua história. Será um erro de marketing ou falta de bom senso?
    Como manter uma equipe motivada sem o calor de sua torcida incentivando-a o tempo todo? Com pouca arrecadação, como manter a folha salarial em dia sem comprometer o planejamento financeiro de todo o período?
    Pois é, Mário! O América não possui um elenco diferenciado e a diretoria insiste em afastar a torcida de seus jogos. No final do ano eu te conto como foi o desastre americano ou o sucesso de uma idéia estúpida que deu certo.
    Um grande abraço, meu bom amigo.
    Parabéns pelo seu sucesso!

  7. Flávio Henrique

    Marra concordo sobre os garotos da base.

    Mas tu mandou muito mal,quando questionou o Flávio.Tu tem visto os jogos do América?Por acaso o Flávio foi eleito o melhor em campo contra o Bahia.Em 3 anos de América não lembro de um peru tomado pelo Flávio.Sem ele o América não estaria onde está.É claro que os outros times não iriam investir nele,pois tem o preconceito da idade,o Coelho apostou,e deu certo.ESSE CARA MERECE UMA ESTÁTUA,está ao lado de Milagres na galeria do América de idolos.

    Mas ae você fala,”ele é velho”.
    Bom,o velho ano passado jogou 36 dos 38 jogos.Só ficou fora por suspensão.

    Por sinal,os dois que mais jogaram esse ano foram os velhos Flávio,e Fábio Junior;

    A zaga do América tem o execelente Gabriel,e o Anderson que dispensa comentário.O Rocha foi eleito melhor da B,e melhor do MIneiro.Algum futebol ele deve ter,concorda?

  8. Rafael Naves

    Respeito sua opinião,mas não concordo. As justificativas apresentam argumentos inconsistentes como sofismas. Não se leva em conta,propositalmente,alguns elementos chave para analisar a atitude do América,tanto no que concerne a formação de elenco,quanto na decisão de se levar UM(UM!!!!) jogo para fora de MG. Brincando está o senhor ao tecer comentários tão superficiais,o que me espanta em se tratando de um mineiro,que deveria conhecer o América. Voltaremos a esse texto ao final do campeonato,mal posso esperar para ler sua opinião após o mesmo.

  9. Lucas Coelho

    HAHAHAHAHA Brincadeira é falar que você é colunista/escritor, vai ler jornal menino! Você é péssimo, mas continue escrevendo, adoro rir da sua cara! abraços

  10. Concordo com as partes que você disse da base e do estádio longe.

    De resto, posso falar que brincadeira mesmo é você escrever tamanhas bobagens.

  11. eryresyh

    gostaria do de falar para saber mais antes de falar coisas que vc desconheçe

  12. Samuel Pimenta

    Caro blogueiro aprendiz de jornaleiro (por que provavelmente nem com jornalista você está aprendendo). Procure saber melhor à respeito das situações que quiser noticiar e criticar.

    Você é mineiro, mas pelo que percebo o bairrismo paulista já está te consumindo. Morar em São Paulo tira toda a credibilidade das suas idéias.

    Perceba que mais importante que ter um blog cheio de noticias e textos é ter um blog com conteúdo de qualidade.

    Mais cuidado com o que diz.

    Até mais.

    Samuel Pimenta

    • Mário Marra

      Sem resposta. Até tentei aprender entrando no site do seu email, mas ele não está funcionando ainda.

  13. Paulo Borges

    Não deu pra entender a comparação de dois times de massa (Bahia e Ceará) jogando em suas cidades (Salvador e Fortaleza) com o AMÉRICA jogando em Sete Lagoas. E o comentarista é MAIS UM comentarista que está comentando sem ter visto o AMÉRICA jogar. Simples assim.

  14. Ricardo Wagner Nazar

    Ainda bem que voçê um jornalista bem fraquinho. OTÁRIO

  15. mario marra vai opinar sobre o gaylo ou seu cruzeiro as marias azuis que esta na zona de rebaixamento e deixa meu coelhao em paz vc nao sabe nada do america e é mais um que esta secando o glorioso america com certeza apostava ano passado em sport e lusa para subirem para a serie a esse ano.vc e mineiro e se for opinar opinie falando bem ou incentivando o america e nao com previsoes negativas se mal começou o campeonato.seu barcelona do paraguai as marias azuis estao na zona de rebaixamento vai secar eles!!! vc é persona non grata na torcida do coelhao.

  16. aprenda no blog do CHICO MAIA ele sim é o ´cara´´ e sabe agradar a todos com opinioes sensatas a todos os clubes mineiros

    • Mário Marra

      Gosto tanto do Chico que me sinto na obrigação de sair em defesa dele.
      Chico Maia não se preocupa em agradar torcidas. Jornalista que agrada não merece ser levado em consideração.

  17. Diogo

    Vc é o famoso quem ?! Quem aparecer falando mal do américa ? Basta ter visto os 2 primeiros jogos do américa para perceber que voce nao falou a realidade ! E o américa mereci SIM ter ganho do vasco ! O américa NAO vai cair ! contra tudo e contra todos ! tente defender os times da sua terra natal ! puxa saco de paulista !

    • Mário Marra

      Analise. Tomara que não caia mesmo, mas o time não tem encaixe.
      A cara do América pode ser a de um time com três zagueiros para liberar o Marcos Rocha.
      Alessandro pode ser o companheiro do Fábio Júnior e o meio tem que ter mais pegada e mais velocidade.
      No mais, sem respostas.

  18. james

    Falou tudo, e antes da goleada contra o Inter, o América precisa priorizar a série A, fortalece o futebol mineiro e a principalmente a própria instituição..

  19. Raws.BH

    Irmãos torcedores do America boa noite, exceto contra o Galo sempre torci e torcerei pelo sucesso do coelho póis é obvio que isso é bom para Minas, cresci escutatando de varios torcedores americanos que vocês são a elite, rótulo que sempre discordei pois pessoas educadas e animais existem em todas as torcidas, só que a agressividade destes coméntarios me surpreendeu não ví motivo para tanto. Mesmo sabendo que serei criticado depois de mais uma vez defender este blog só quero reafirmar o desejo de sempre quere ler opiniões civilizadas, educadas e inteligentes e consequentemente pacificadoras. Fiquem com Deus.

    • Allysson Oliveira - Goiânia

      Raws,

      você disse tudo e com muita propriedade.

      Marra, parabéns pelo comentário sensato e lúcido.

      Meu pai é americano, e sempre o acompanhava nos jogos mesmo sendo eu atleticano. E assim sempre torcia pelo Coelho nos jogos, claro, menos contra o Galo.

      Lembro que na época. mesmo nas melhores fases do Coelho a torcida nunca passava de 3 mil pessoas. Isso no velho Independência (antes da 1a reforma) e no Mineirão também. Tinha a brincadeira da kombi, lembram-se?

      Na arquibancada o meu pai batia longos papos com o Miguel Ângelo Santiago, notório americano.

      Desde aquela época sempre percebia na torcida do América uma aversão ao Atlético que beirava a ignorância, um dia, eu menino ainda, fui hostilizado por um senhor de uns 50 anos por ele ouvir as conversas com meu pai e sacar que eu, uma criança de 10 anos, era um “intruso”atleticano e estava ali com meu pai americano. Pasmem.

      Estranhei que com a volta à elite, o time não vivesse uma fase eufórica. Era para estar jogando em Sete Lagoas e colocando pelo menos 10 mil pessoas no estádio.

      Mas não, o time não passa de 1 mil pagantes jogando na Arena.

      Ou seja, a triste verdade, o América é um time sem torcida, e torcida deve ir a campo. Sem torcida fica difícil se manter.

      Imaginem o Galo se não tivesse sua torcida fanática. Já teria acabado a anos depois de tantos insucessos históricos. Mas a força da torcida mantém a grandeza do time alvinegro.

      O comentário do Marra foi perfeito, fica claro que ele queria ter Minas com 3 grandes.

      Sobre as críticas absurdas contra o Marra e sua morada paulistana atual vale lembrar dos nossos grandes escritores, Paulo Mendes Campos, Oto Lara Resende, Fernando Sabino, Carlos Drumond e tantos outros que tiveram de sair de Minas para serem reconhecidos, pois na Geraes eram tido como vagabundos, escrever era coisa de vagabundo.

      Como mineiro fico triste em ver que ainda campeia em nossa terra um ar provinciano e preconceituoso de alguns.

      Vale ressaltar que o espaço do blog é democrático, e os temas são debatidos com respeito às opiniões contrárias. E o Marra é um cara isento no trato do futebol, ele não puxa a sardinha para a dupla RapoGalo, como outros tantos pseudo jornalistas mineiros que adoram tietar seus clubes e diretorias.

      Foi triste ler algumas críticas ofensivas ao blogueiro.

      E fica claro que hoje o América é aposta fácil para voltar a segundona ano que vem.

      Se as coisas não mudarem muito vai cair mesmo.

      Espero que o personagem vivido pelo José Wilker no cinema esteja errado e aquela famosa frase atribuída ao Oto Lara Resende não seja verdadeira.

      Grande abraço Marra.

  20. Paulo Borges

    Se interessar a jornalistas desinformados:

    Assessor da FMF reafirma que mudança do mando de campo foi imposição da CBF

    Diante da polêmica criada em torno da mudança do mando de campo do jogo entre América e Internacional, disputado no último domingo, em Campo Grande/MT, o assessor do Departamento de Futebol da Federação Mineira de Futebol, Bernardo Fiorini, reafirmou que a saída da equipe mineira da Arena do Jacaré foi uma determinação da CBF. Porém, assegura que, até o momento, os demais jogos com mando de campo do Coelho estão mantido para Sete Lagoas.

    Bernardi ratificou que a saída do América da Arena do Jacaré na terceira rodada foi uma imposição da CBF, e que nada impede que a entidade, para atender às necessidades de transmissão ou dos clubes, altere a tabela original.

    Bernardi lembrou que o Independência e o Mineirão estão em obras, o que dificulta a montagem da tabela para conciliar os jogos dos três clubes que disputam a Série A. Na rodada, houve a coincidência de América e Atlético estarem progamados para no mesmo dia e local.

    “Como sabemos, o Mineirão e o Independência estão interditados e todos os times da capital estão jogando na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. Na montagem da tabela, o único jogo que ficou sem condições de ser marcado foi esse entre América e Internacional. Aí a CBF pediu para que o América apontasse um campo de jogo. Primeiro, o América indicou o Dilson Melo – o Melão, em Varginha, e depois solicitou a transferência para que o jogo acontecesse no Estádio Morenão, em Campo Grande-MS”, relatou Bernardi por intermédio da assessora de imprensa da FMF.

    Bernardi assegura que todo o processo está documentado com aprovação da FMF e CBF. “Essa solicitação foi enviada por meio de um documento aprovado pelo presidente da FMF (Paulo Schettino) como também pela CBF”.

    Ele também confirma que a CBF não fez nenhuma outra solicitação e que a programação de jogos divulgada anteriormente está mantida. “As outras datas e mandos de campo do América estão todas certas e definidas conforme a tabela divulgada”.

  21. Allysson Oliveira - Goiânia

    Outra coisa,

    os americanos estão em alta, pois o post do Coelho entrou na lista dos 7 mais comentados.

    Até então todos os 7 posts mais comentados TODOS eram sobre o Atlético-MG.

    O que mostra que além de ir a campo o alvinegro também participa dos debates.

    Espero que os americanos possam enriquecer o debate por aqui, mas que o façam respeitando as opiniões contrárias e assim mantendo o ótimo nível comum neste espaço.

    Abraços.

  22. Allysson Oliveira - Goiânia

    Ôpa, peraí…

    relendo os comentários achei a pérola que por morar em São Paulo o cronista/blogueiro perdeu a credibilidade.

    Como se chegou a essa conclusão estapafúrdia??

    Sei que o Marra pede que não se responda e-mails ofensivos mas este foi demais.

    Esse comentário está impregnado de preconceito, bairrismo e intolerância.

    Essa mesma intolerância quando ligada à religião causa violência e mortes entre povos que deveriam ser irmãos.

    Já imagino o leitor a propor uma “jihad” contra o “herege infiél” Marra que ousou ir morar em SP e ainda comenta sobre o futebol mineiro.

    Abraços…

  23. pode acrescentar em seu comentário acima o treinador Mauro Fernandes: em qual ano ele teve sucesso na série A? por que nenhum “clube grande” não chamou-o para ser treinador? por que ele pediu jogadores “suspeitos” como bons e de cara já os escala? por que nem no banco de reservas os jovens jogadores que se destacaram na taça SP são escalados? alguns como o goleiro Mateus, China, Caleb, nem no banco de suplentes ficam. O Neneca está tomando a vaga do garoto. como a Diretoria Americana não enxerga coisas simples assim e “desvalorizam” os atletas “feitos” em casa e podem render frutos em campo e no cofre do clube! o treinador Americano nem copiar o vizinho sabe, o Dorival tem escalado jovens valores como titular ou reserva e no final das competições pelo menos valorizou o trabalho feito em casa sem gastar grana com os “forasteiros” que vem para BH para ganhar grana e fazer festas com prostitutas como fazia os Brunos e Tardelis da vida.

    ACORDA AMÉRICA, A SÉRIE A NÃO PERDOA!

Envie uma opinião